21/5/2021 - Jovens celebram alta do tratamento de forma diferente no HAC

   Na Pediatria do Hospital Amaral Carvalho (HAC), quem tem alta do tratamento pode comemorar apertando o botão vermelho do Cantinho da Vitória. Inaugurado em dezembro do ano passado, o espaço criado especialmente para celebrar a cura das crianças e adolescentes foi patrocinado pelo Grupo Roche, da indústria farmacêutica.
   “Depois de tudo o que passamos, poder apertar esse botão, é inexplicável”, relata Silvana Marinho, mãe do João Pedro Bento (19), de Macatuba, que comemorou em dose dupla. “É que, recentemente, ele concluiu o tratamento de um Linfoma Não Hodkin, mas já se curou, há seis anos, de uma Leucemia Aguda”, lembra.
   Brincalhão que só ele, João alegrou a sala de espera do Ambulatório da Pediatria, enquanto falava sobre a experiência positiva que teve no HAC. “Eu praticamente cresci aqui e esse lugar é muito importante para mim. Fiquei doente uma vez, duas vezes. Não sei se posso adoecer de novo, então, hoje é um dia muito feliz, uma grande vitória, com apoio das médicas, enfermeiras e toda a equipe”. Ele quis acrescentar que agora leva uma vida normal. “Trabalho, adoro andar de moto e gosto de namorar também. Apesar que, no momento estou solteiro, aberto a novos relacionamentos”, explicou fazendo todos rirem.
   Aproveitando a deixa, Silvana contou que João era uma criança rebelde. “Bravo, sofreu muito com o tratamento. E eu via aquilo, sem poder fazer nada, sofria muito também. Agora, vê-lo sorridente, fazendo brincadeiras 24 horas por dia, não tem preço”.
   Quem também estava feliz da vida com a alta era a Laísa Vertu (20), de Rio Claro, que apertou o botão no Cantinho da Vitória, acompanhada da sua mãe, Rosimeire. “Graças a Deus, depois de dois anos de muita luta, consegui vencer”, disse aliviada.
   Os dias ruins, de quimioterapias, de internação na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e todos os sustos desse período, ficaram para trás. “Foi difícil, mas passou. Agora, vou retomar meus estudos, voltar a fazer as coisas que gosto. Me considero guerreira demais”, afirmou.
   Laísa ressalta que o HAC foi um suporte imprescindível para sua vitória. “O Amaral Carvalho é tudo. Vira uma família, uma segunda casa. E as profissionais sempre tão alegres, nos ajudam muito, nos acolhem”, agradeceu.



Sobre a parceria com a Roche
O Cantinho da Vitória faz parte do projeto custeado pelo Grupo Roche e seus colaboradores para promoção de melhorias na Pediatria do HAC. Além desse espaço, a empresa farmacêutica instalou uma lan house na área de convivência da internação pediátrica e está trabalhando na modernização do Ursinho Elo, iniciativa lançada em 2014 pelo hospital e que teve repercussão mundial, por ser um instrumento de humanização. Na versão inicial, os pacientes internados podiam ouvir mensagens dos familiares e amigos apenas apertando a mão do Ursinho. A nova versão irá permitir que as crianças vejam as pessoas por meio de um tablet embutido na barriga do brinquedo. A Roche doou 35 tablets e uma verba para o desenvolvimento tecnológico.

 


“Graças a Deus, depois de dois anos de muita luta, consegui vencer”, disse Laísa aliviada


“Eu praticamente cresci aqui e esse lugar é muito importante para mim. Fiquei doente uma vez, duas vezes. Não sei se posso adoecer de novo, então, hoje é um dia muito feliz, uma grande vitória, com apoio das médicas, enfermeiras e toda a equipe”, disse João Pedro
 

Autor: Ariane Urbanetto